Review HQ: O Regresso de Jaspion

0
Mangá Jaspion JBC
Mangá Jaspion JBC

Primeiramente, é impossível começar a falar de uma das series japonesas mais aclamadas em terras tupiniquins sem não sentir nenhuma boa sensação nostálgica. Falar de Jaspion é voltar à infância ( para os nascidos nos anos 80 e início dos anos 90 o que é meu caso), é voltar para era da TV Manchete, lembrar o quanto era delicioso assistir toda a programação infantil do canal que podemos afirmar, era completa de clássicos como Esquadrão Relâmpago Changeman, Jiraya (não, não é o do Naruto), Comando Estelar Flashman, Jiban (apesar de ter 36 anos, ainda me emociono com o episódio da morte dele), Os Cavaleiros Do Zodíaco, Yu Yu Hakusho, Sailor Moon, entre outros.

Jaspion série
Reprodução original da série Jaspion

Mas agora, vamos ao que interessa. O Regresso de Jaspion

A história se passa 30 anos depois da derrota definitiva de Satan Goss e o fim de suas tentativas de transformar a Terra em seu Império de Monstros. Após derrota-lo, Jaspion volta ao espaço acompanhado da androide Anri, o monstrinho fofo Miya e o bebê Tarzan Espacial (é, é esse mesmo nome dele). Ele é o bebê que surge no último episódio da série da TV, é a sexta
criança irradiada pela luz do Pássaro Dourado que junto com as outras cinco terráqueas, conseguiram invocar a ave mística que conferiu poderes ao campeão da justiça para por fim ao Super Satan Goss.

Jaspion está viajando pelo espaço investigando a nova Bíblia Galáctica e ao entrar em um bar, acaba arrumando uma confusão e é aí que vemos a primeira referencia à outras serie de Tokusatsu, um dos momentos um dos monstros diz “por Bazoo!”. Bazoo é o vilão maioral doa serie Changeman.

Tokusatsu
Reprodução original das séries Changeman, Jaspion, Flashman, Jiraiya, Black Kamen Rider, Jiban

Com as informações que ele consegue no bar, Jaspion viaja até o planeta Drods onde está a Bíblia Galáctica. Lá ele é interceptado por ninguém menos que Koko (já adulto) e seu pai adotivo, o monstro Namaguederaz. Lá ele descobre uma profecia, Satan Goss irá retornar mais forte do que nunca, após a revelação de um falso salvador. Com isso ele decide Retornar a Terra e pede ajuda ao seu filho, sim gente, Jaspion é pai (ele quem criou o bebê Tarzan Espacial) que que é oficial da Polícia Espacial que o tele-transporta para nosso planeta.

Já na Terra, Jaspion tem uma surpresa. A Bruxa Kilmaza está viva, fundou uma religião em nome de Satan Goss e quer traze-lo a vida novamente. É aí que a ação começa de verdade. Jaspion reencontra vários personagens clássicos da serie como o Professor Nambara e Boomerman.

Jaspion e Boomeman vão através de tuneis que eram utilizados pela polícia no passado que para ter acesso é necessário CyberCards (Olha a referência ai gente! Eram os tuneis usados pelos Cybercops para enviar as armas na série da TV). Ele acaba derrotado tendo sua armadura quebrada e acaba tendo de ser resgatado. Mas como sabemos, heróis nunca desistem né? E
como vai acabar a história, isso deixo com vocês leitores!

Jaspion Editora JBC
Publicado originalmente no Twitter oficial do autor Fábio Yabu (@fabioyabu)

O Roteiro é do Fábio Yabu (ComboRangers) trazendo aquele humor do “estilo Jaspion de ser” (quem já assistiu a série sabe do que estou falando), respeita muito o canônico do personagem e evolui de forma simples, mas bastante contundente.

A arte é feita pelo Michel Borges (ComboRangers) e se encaixou perfeitamente aos personagens. Destaques para os momentos de ação da luta entre Daileon e Namaguederaz que particularmente, achei linda!

O Mangá traz diversos extras como um pouco da história da chegada da serie no Brasil, bastidores, depoimentos onde um deles me surpreendeu: Emicida é Fã do Jaspion e disse que vive cantando a música da série. Com isso surgiu uma duvida muito complexa: Qual musica seria essa que ele canta? Come On Boy ou a do nosso querido Gigante Guerreiro Daileon?

Para os órfãos da TV Manchete, é completamente divertido e gostoso de ler o Mangá porque como disse anteriormente, ele traz muitas, mas muitas, sensações nostálgicas. Já os mais jovens que ainda não conhecem o personagem, uma coisa posso afirmar para vocês: Não há nada que dificulta o entendimento e com certeza, após a leitura, vai se apaixonar pelo nosso Campeão da Justiça e portanto A DIVERÇÃO É GARANTIDA!

Capa mangá Jaspion Editora JBC
Capa mangá Jaspion Editora JBC

O REGRESSO DE JASPION
Edições disponíveis: Impressa e Digital
Número de páginas: 192
Autoria: Fabio Yabu (roteirista) e Michel Borges (desenhista)
Produção: Marcelo Del Greco (Editor) e Edi Carlos Rodrigues (Produtor Executivo)

https://editorajbc.com.br/jbstudios/colecao/o-regresso-de-jaspion/vol/o-regresso-de-jaspion/
Nota:
Roteiro 10/10
Arte 9/10
Extras 10/10

O Regresso de Jaspion
9.5 / 10 Reviewer
{{ reviewsOverall }} / 10 Usuários (12 votos)
Prós
Ótima história e muita nostalgia
Contras
Falta de mais páginas coloridas
Sinopse
Depois de derrotar Satan Goss e MacGaren em uma batalha mortal, Jaspion deixou o Planeta Terra para lutar contra as forças do mal por todo o universo. Mas surge uma nova ameaça, a concentração de energia negativa trouxe a terrível bruxa galáctica Kilmaza de volta à vida. Tomada pelo desejo de vingança contra Jaspion, agora ela planeja ressuscitar não apenas MacGaren, mas Satan Goss e outros aliados. É hora de Jaspion voltar à Terra, depois de muito tempo, e lutar mais uma vez contra as forças do mal comandadas por Satan Goss. Para isso, o Campeão da Justiça contará com a ajuda de velhos amigos como Boomerman, Anri, Miya, John Tiger e o Gigante Guerreiro Daileon.
Review dos Leitores Deixe seu voto
Order by:

Be the first to leave a review.

User Avatar User Avatar
Verificado
{{{ review.rating_title }}}
{{{review.rating_comment | nl2br}}}

This review has no replies yet.

Avatar
Show more
Show more
{{ pageNumber+1 }}
Deixe seu voto

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here