As bases tecnológicas de 2022: Metaverso, Blockchain, Gamificação e AdTech

0
Metaverso
Metaverso

Artigo: Por Maximo Cavazzani, CEO & fundador da etermax

Quem trabalha com tecnologia sabe que grandes mudanças não acontecem da noite para o dia, embora às vezes pareça que sim. Por isso, fazendo um balanço de 2021 e pensando nas perspectivas que temos para 2022, quero compartilhar as principais tendências que deste mercado, como enxergamos na etermax. São todos eixos alinhados aos projetos em que estamos trabalhando este ano para continuar conectando comunidades ao redor do mundo e imprimindo nossa marca.

Fazemos parte de um setor muito dinâmico e global que nos convida a inovar constantemente. Como parte do nosso DNA, estamos sempre prontos para explorar, experimentar e capitalizar o aprendizado para chegar a lugares inimagináveis ​​e surpreender o mercado com propostas disruptivas e pioneiras. Fazemos isso desde nossos primeiros estágios, desenvolvendo o primeiro aplicativo de compra e venda de ações através do iStockManager mobile e depois com marcos de alcance global no mundo dos jogos, como Perguntados e Apalavrados, com a criação do novo conceito de Brand Gamification para os mercados de marketing, publicidade e empresas, ou com o desenvolvimento de tecnologias eficientes para publicidade digital no mundo.

Em 2022, estamos preparados para surpreender o mercado acompanhando as grandes tendências tecnológicas que nossos usuários, parceiros, colaboradores e a indústria estão esperando: blockchain, metaverso, gamification e AdTech.

O mundo blockchain e o conceito da web 3.0 estão definindo um rumo para se tornar a nova economia. Para entender o contexto: estima-se que o mercado global de blockchain passará de 4,9 bilhões  de dólares em 2021 para 67,4 bilhões em 2026. E o salto não é apenas quantitativo. Tanto a arte quanto as finanças foram revolucionadas por essa tecnologia, fornecendo identificadores digitais únicos. As criptomoedas se tornaram mais acessíveis do que nunca, com o surgimento de novas carteiras e tecnologias, e lutam para ser a nova forma de economia. Por outro lado, os NFTs (Non-Fungible Tokens) foram um dos assuntos de grande destaque em 2021: a compra/venda de colecionáveis ​​digitais únicos se tornou manchete e nos fez refletir sobre a natureza dos objetos virtuais, a arte e a economia. Além disso, existem usos de blockchain que têm a ver com gerenciamento de dados, segurança cibernética ou pagamentos, entre outras aplicações. Com blockchain, estamos falando de economias digitais que, como muitas outras tendências, já têm suas raízes nos videogames.

Maximo Cavazzani, CEO & fundador da etermax
Maximo Cavazzani, CEO & fundador da etermax

metaverso, nova interação social que veio para ficar e onde estamos ansiosos para dar passos com nossos próprios desenvolvimentos, também ganhou grande destaque e especial relevância quando a pandemia nos obrigou a digitalizar nossa rotina de um dia para o outro. Os grandes players de tecnologia competem para serem os primeiros a criar a plataforma centralizada onde os usuários da internet passam seu tempo, interagem uns com os outros, jogam, aprendem, negociam e até trabalham. O boom ocorreu em 2021, quando o antigo Facebook, agora apenas Meta, investiu 10 bilhões  de dólares em Reality Labs, sua divisão metaverso. Prepare seus VRs porque estamos a poucos passos de trazer universos interativos ao alcance de todos. Algo visto até hoje apenas em histórias de ficção científica!

A terceira tendência também nasce da já crescente indústria de jogos eletrônicos. Não podemos deixar de mencionar a gamificação. A quem você recorreria para criar uma experiência digital divertida e envolvente que impulsione o engajamento e construa comunidades? Se pensou em especialistas em desenvolvimento de games, você está alinhado com empresas de ecommerce, finanças, equipes de recursos humanos, instituições de ensino e muitos outros segmentos. É disso que se trata a gamificação: utilizar os recursos do game design em processos, aplicativos ou plataformas de qualquer tipo. Ao colocar o jogo como ferramenta no centro da cena, a gamificação em treinamentos, por exemplo, pode aumentar a produtividade de uma empresa em até 50% e o engajamento em 60%.

Outra tendência para 2022 situa-se no campo da AdTech, a tecnologia aplicada à gestão e otimização da publicidade digital, que procura simplificar e otimizar processos, marcando um antes e um depois na operação da indústria publicitária. Dispomos de desenvolvimentos próprios aos quais confiamos a monetização dos nossos produtos com excelentes resultados e prontos a oferecer aos nossos parceiros. A integração da nossa solução AdTech dará aos atores que hoje compõem o negócio, de anunciantes a publishers, vantagens competitivas de eficiência e lucratividade em suas transações que até recentemente eram inimagináveis.

Como bônus track, considerando a etermax como uma empresa que analisa e desafia todas as decisões com dados, um segmento cada vez mais transversal a todos os campos de aplicação são os dados. Há muito falamos sobre a grande quantidade de informações que geramos como indivíduos e empresas. Para entender a massa de dados, encontrar o que é relevante e disponibilizá-los no momento certo, recorremos à análise de dados, ao machine learning e à inteligência artificial. São ferramentas que se tornaram aliadas essenciais para converter informação em conhecimento, e nos permitem pular tarefas mecânicas e repetitivas para nos concentrar naquilo que só o ser humano tem: a criatividade. Assim, entre 2020 e 2025, a automação não removerá, mas gerará 97 milhões de novos empregos no mundo.

Estas tendências são o ponto de partida para a estratégia que preparámos para 2022, um ano muito ambicioso, desafiador e que nos empolga não só como equipe, mas como empresa.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here