Miyamoto culpa preço e tablets por baixas vendas do Wii U

0

A Nintendo chamou a atenção durante a E3 2015 por ter apresentado pouquíssimas novidades de peso para seu console, o Nintendo Wii U. Em entrevista ao site NPR, o lendário criador de Mario, Donkey Kong e Zelda, Shigeru Miyamoto, 62 anos, culpou os tablets e o alto preço do console da empresa pelas vendas tão baixas do Wii U. Foram 9,54 milhões de unidades desde seu lançamento de 2012.

Nintendo Wii U

Ao ser questionado sobre a estrategia que a Nintendo utilizou com seu Wii U, uma vez que seus consoles sempre foram graficamente menos poderosos que os do concorrentes, Miyamoto respondeu:

“Infelizmente, para nosso último console, o Wii U, o preço acabou um pouco acima do que queríamos. Nós sempre estamos tentando trazer novas tecnologias em um preço que as pessoas possam comprar. E, além disso, em vez de participar da corrida por especificações melhores e tentar criar o console mais poderoso, o que queremos é o melhor equilíbrio de funcionalidades com a melhor interface que qualquer um pode usar”.

Depois questionado se o alto preço teria ajudado nas fracas vendas do Wii U, principalmente pelo fato do Wii ter tido tanto sucesso Miyamoto respondeu.

“Eu não acho que seja apenas culpa do preço. Se o sistema tem apelo o suficiente, as pessoas vão comprar mesmo que seu valor seja um pouco alto. Acho que com o Wii U, nosso desafio é que as pessoas talvez não tenham entendido o sistema. Achamos que, com uma funcionalidade de tablet conectada ao sistema, você poderia ter a inicialização rápida dos tablets, você teria a conveniência de ter controles de toque no sofá enquanto joga em um aparelho conectado à TV. Seria um sistema único, com modos únicos de jogar.”

“Mas, infelizmente o que aconteceu é que os tablets apareceram no mercado e evoluíram muito, muito rápido, e quando o Wii U foi lançado, nossas funcionalidades provavelmente não eram tão fortes como quando começamos a desenvolvê-las”.

Para finalizar o assunto Miyamoto deposita as esperanças no futuro console da empresa. “O que acho único sobre a Nintendo é que estamos constantemente tentando fazer coisas diferentes. Às vezes elas funcionam, e às vezes elas não funcionam da maneira que esperávamos. Depois do Wii U, esperamos que nosso próximo console seja um grande sucesso”, finalizou.

Fonte: NPR

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here