E a E3 2013 já tem seu jogo mais frustrante…. é um exclusivo Xbox One!

1
ryse son of rome xbox one

Para quem acompanhou a E3 2013 viu que a Microsoft apresentou alguns dos seus novos títulos exclusivos, grande aposta para bater de frente com o Playstation 4. Acontece que um desses títulos chamado Ryse: Son of Rome chamou muito a atenção dos jogadores na conferência da empresa, mas de acordo com a mídia internacional foi considerado um dos jogos mais frustrantes da feira.

O jogo coloca o player como um general romano em uma batalha em que deve enfrentar inimigos sozinho, intercalar batalhas e dar comandos a sua tropa. O estilo de jogo é hack ‘n slash (sub gênero consagrado em jogos como God of War) e possui diversos momentos de quick time event (também uma característica de God of War, que são os momentos em que o jogador deve apertar um botão no tempo certo para finalizar uma luta ou realizar uma ação).

Ryse foi considerado um dos jogos mais bonitos da E3, porém parece que suas qualidades não vão muito além disso. Jornalistas internacionais que após as conferências puderam ter contato com os jogos relataram que Ryse possui um gameplay com muitos quick time events sem muita variedade de movimentos e nenhum golpe especial para esses momentos que recheiam o jogo, ou seja, reclamaram que o jogo se torna cansativo pelo fato de ter tanta repetição, porém a pior reclamação não foi essa, o que alguns jornalistas repararam e criticaram duramente no jogo foi o fato do mesmo estar facilitado. Bom para exemplificar o que estou falando vou relatar o caso de um jornalista do Kotaku Austrália, o mesmo disse que ao jogar Ryse acabou errando o tempo de apertar um botão em um quick time event pelo mesmo ter aparecido rapido demais, acontece que ao fim da animação seu combo foi bem sucedido, então ele achou que se tratava de um erro e seguiu em frente para testar o tal bug, acontece que nas batalhas seguintes o mesmo jornalista errou os botões e os combos continuaram sendo concluídos e por fim ele testou não apertar os botões durante um combo e o mesmo continuou realizando kills.

O jogo é desenvolvido pela Crytek, então o jornalista abordou um dos desenvolvedores e perguntou se aquilo se tratava de um erro que ainda seria corrigido e para a surpresa dele o desenvolvedor disse que na verdade não, era uma estratégia da empresa para que o jogador não se sinta frustrado!

Ou seja, a não ser que a Crytek coloque um modo ultra hard, Ryse tem tudo para ser um jogo muito bonito, porém, rápido, fácil, repetitivo e sem nenhum desafio….esperemos.

Que fase em Microsoft

Dê uma olhada no trailer que apresentou Ryse: son of Rome na E3 2013.


 


 

 Ryse: son of Rome chega em novembro de 2013 com exclusividade para Xbox One.

1 COMMENT

  1. Mais uma decepção da indústria… além do próprio Xone. Na boa, tenho pressa nenhuma nos consoles novos, pra ter mais do mesmo. Se o PS4 nao oferecer algo diferente, vou de Wii u, Ouya, Pc, qqer outra coisa!!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here